Sacher Torte, receita da mítica torta de chocolate vienense
Pode uma torta de chocolate ser considerada a melhor do mundo? Pode. Confira a receita da verdadeira sacher torte e comprove
Sacher Torte
55542
post-template-default,single,single-post,postid-55542,single-format-standard,eltd-core-1.0.3,ajax_updown,page_not_loaded,,borderland-ver-1.13, vertical_menu_with_scroll,smooth_scroll,paspartu_enabled,wpb-js-composer js-comp-ver-4.11.2.1,vc_responsive

Sacher Torte, receita da mítica torta de chocolate vienense

Sacher Torte

Sacher Torte, receita da mítica torta de chocolate vienense

Uma torta de chocolate que provoca frisson? Sem dúvida a Sacher Torte vienense, eleita por muitos chocalatiers como a melhor do mundo, ou como dizem por lá, libera os sentidos.
Hoje sua receita não é mais segredo, e até existem variações. Fomos até Viena para conseguir sua fórmula de sucesso.

 

 

Viena

Em Viena todos procuram pela SacherTorte
crédito: Viramundo e Mundovirado

 

Alimento precioso, o chocolate contém proteínas, gordura, calorias, cálcio, manganês, ferro, zinco, caroteno, vitaminas E, B1, B2, B3, B6 e C, e mais, favorece a produção de endorfinas, os narcóticos naturais do corpo humano. E vai além, muitos dizem que estimula o apetite sexual. Será por isso que o sedutor veneziano Casanova (1725-1798) chamou o chocolate de “elixir do amor”?

 

Sacher torte

Crédito: Viramundo e Mundovirado

 

Agora, o Grand Finale, a receita da Torta Sacher
Massa:

4 colheres (sopa) de geleia de damasco

250 gramas de chocolate meio amargo

230 gramas farinha de trigo

200 gramas de manteiga

200 gramas de açúcar

8 claras em neve

1 pitada de sal

8 gemas

Manteiga (para untar)

Cobertura:

250 gramas de chocolate meio amargo

½ (chá) de água quente

½ (chá) de açúcar

Ralar o chocolate e levar ao fogo baixo em banho-maria. Quando estiver completamente derretido, retirar do fogo e deixar esfriar. Reservar. Bater a manteiga, o açúcar peneirado e o sal até formar um creme liso. Em seguida, juntar o chocolate reservado. Acrescentar as gemas, uma a uma, batendo sempre para a mistura ficar cremosa. Por último, espalhar as claras sobre a massa de chocolate e peneirar por cima a farinha de trigo. Misturar delicadamente. Forrar o fundo da forma com papel celofane, untar o papel com manteiga e despejar a massa. Assar a massa em forno brando. Depois de assada, cortar ao meio.

Para rechear, bater a geleia com um garfo até ficar lisa. Espalhar metade da geleia em uma das camadas da massa e cobrir com a outra. Colocar o restante da geleia por cima.

Cobertura:

Ralar o chocolate, juntar a água quente e mexer até ficar liso. Acrescentar o açúcar e

levar ao fogo por aproximadamente 10 minutos. Mexer sempre até engrossar e formar uma película fina na superfície. Passar cuidadosamente a cobertura sobre o bolo.

Para acompanhar como bom gourmand:
O ideal é servir licores que quebrem a potência do chocolate. Os entendidos sugerem o curioso licor irlandês Sheridans que, na mesma garrafa, possui dois sabores, e que devem ser bebidos misturados.

 

Mais Viena em:
https://viagem.estadao.com.br/blogs/viagens-plasticas/cafes-vienenses-as-primeiras-lan-houses-da-europa/

Viena flerta com as cores e a modernidade

 


Comentários

Heitor e Silvia Reali
"Viajamos para namorar a Terra. E já são 40 anos de arrastar as asas por sua natureza, pelos lugares que fizeram história, ou pela cultura de sua gente. Desses encontros nasceu a Viramundo e Mundovirado."